Blog


26/09/2017 Dicas

Prontuário do Paciente ou Médico: Você sabe qual a sua importância?

Esse documento é bem mais que apenas uma burocracia médica.

Prontuário do Paciente ou Médico: Você sabe qual a sua importância?

O prontuário do paciente, ou médico como também é conhecido, é um documento sigiloso que contém diversas informações do paciente e tratamentos pelos quais passou durante sua internação ou atendimento hospitalar.

É reconhecido pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) na resolução 1.638/2002 e tem a emissão exigida de médicos, hospitais e clínicas. Cabe a essas instituições resguardar essas informações e proteger tal documento.

Mas você sabe por que ele é tão importante para pacientes e médicos? Veja neste post porque se preocupar com isso e garantir o preenchimento adequado do prontuário médico.

Facilita a comunicação

Uma equipe médica é composta por diversas pessoas e de especialidades diversas. Os colaboradores ainda podem ter horários de trabalho diferenciados, dificultando a comunicação entre a equipe.

Através do prontuário do paciente, todos os profissionais ficam cientes dos procedimentos realizados e do atendimento prestado ao doente. Tornando mais fácil a comunicação entre a extensa lista de cuidadores e diminuindo as chances de erro médico.

Garante a qualidade do atendimento

Como atua como um registro dos tratamentos e medicamentos ministrados, esse documento também atesta a qualidade do atendimento prestado ao paciente.

Caso algum erro seja diagnosticado mais tarde, é esse registro que será consultado para buscar responsabilizar a quem tiver direito. Por isso, é uma ferramenta poderosa para garantir um atendimento médico de qualidade e respeitoso para todos.

Tem valor legal

A importância do prontuário médico é tanta que, em caso de perda ou extravio, deve-se registrar um boletim de ocorrência (BO) junto às autoridades policiais. O que reforça tamanho valor desse documento.

O prontuário também pode ser utilizado na esfera jurídica em casos de processos administrativos, ou outras ações judiciais, como prova do atendimento prestado. As informações contidas nesse material podem tanto absolver os profissionais da saúde, como dar ganho de causa ao paciente ou seu familiar.

Portanto, se faz necessário preencher o documento corretamente e garantir a veracidade e sigilo dessas informações, além de compartilhar tais dados com o paciente quando solicitado.

Assuntos relacionados: PRONTUÁRIO DO PACIENTE